Histórico

Uma história de resultados

Conheça a trajetória da ACIM

 

Representatividade empresarial, defesa dos interesses da classe e a

participação no progresso nacional. Estes foram os primeiros desejos que

47 empresários tiveram ao fundar a Associação Comercial e Industrial de

Imbituba - ACIM, no dia 25 de novembro de 1989.

 

Em 2007 passou chamar-se Associação Empresarial de Imbituba, para

integrar de forma mais representativa todos os segmentos da economia do

município, agregando novos meios empresariais como profissionais liberais e

prestadores de serviços

A força do associativismo, tem sido a provocadora de várias ações que visam

o engajamento de forças para que se obtenha o desenvolvimento econômico

sustentável.

 

O maior objetivo é fomentar o desenvolvimento dos associados e para

alcança-lo atuamos em três áreas estratégicas: promoção da cultura associativista, oferecimento de soluções empresariais e participação no desenvolvimento econômico. O modelo de negócio da entidade é impulsionar o desenvolvimento de Imbituba.

 

Realizações

 

No início a ACIM atendeu o anseio dos empresários na consolidação da entidade. Os primeiros anos foram de um árduo trabalho de organização jurídica e administrativa, planejando a instituição para uma vida com realizações de longo prazo, e ainda colaborou com outras instituições e o poder público na solução dos problemas da época.

 

As primeiras ações contaram com a primeira Feira da Indústria e Comércio de Imbituba, a atuação junto à Câmara de Vereadores para a aprovação da primeira Lei de Incentivos Fiscais e Econômicos, a articulação da Zona de Processamento e Exportação - ZPE e uma negociação para aquisição de terrenos para a implantação do distrito industrial, hoje consolidado e em funcionamento.

 

Em seguida os trabalhos se voltaram para o desenvolvimento do trade turístico, potencial da cidade. Podemos lembrar a instalação do batalhão do Corpo de Bombeiros; a reestruturação do Hospital São Camilo; a instalação do Posto Avançado da Junta Comercial e do Conselho Regional de Engenharia - CREA na sede da ACIM. Participa efetivamente da vinda de universidades para o município, como fundadora da ADESI - Associação para o Desenvolvimento do Ensino Superior em Imbituba e como incentivadora da vinda da FUCAP - Faculdade de Capivari de Baixo. Também teve decisiva contribuição na instalação da Casa do Microcrédito, da UNICRED, da SICREDI e da UNIMED.

A ACIM realizou ações para o desenvolvimento do Porto de Imbituba, buscando também parcerias, investidores e apoiando as administrações que se passaram. Com o aumento dos associados, foi imprescindível realizar a aproximação entre poder público e iniciativa privada e ainda hoje a diretoria participa ativamente dos conselhos municipais e de encontros com o prefeito.

Com os núcleos empresariais cada segmento empresarial se tornou mais forte. Os projetos relacionados à Praia do Rosa foram desenvolvidos e a união dos empresários através da ACIM resultou no destaque desta região, chegando a ser um case de sucesso internacional.

A associação desenvolveu ações de visibilidade como a 1ª Feira do Livro e a realização duas edições do Festival Nacional do Camarão e do Seminário Nacional da Baleia-Franca. A ACIM está engajada com as outras ACIs em prol do desenvolvimento regional e teve papel fundamental na estadualização do porto, na cobrança por melhorias na infraestrutura portuária e obras estruturantes para a o Sul, como a duplicação da BR-101 Sul, a Ponte de Laguna e agora une forças pela Ferrovia Litorânea e pelo Terminal de Cargas do Aeroporto Regional Sul em Jaguaruna.

Federada a FACISC - Federação das Associações Empresariais de Santa Catarina, desenvolve o Programa Empreender mantendo de forma atuante os núcleos e buscando nas soluções empresariais e nos convênios a sua sustentabilidade. Confederada a CACB - Confederação das Associações Empresariais e Comerciais do Brasil faz parte do maior sistema associativista voluntário do país que reúne 2,5 milhões de empresários em 2.300 associações.

Foto Posse ACIM.jpg