Secretaria de Saúde realiza campanha “Setembro Amarelo” com atividades e orientações

Durante todo o mês, a Secretaria Municipal de Saúde, através do Centro de Atenção Psicossocial – CAPS, está promovendo ações em alusão ao “Setembro Amarelo” – mês de conscientização a prevenção do suicídio.

A programação conta com palestras e entrevistas nos meios de comunicação com profissionais da área com o objetivo de alcançar o maior número de pessoas informações relacionadas ao tema.

De acordo com a gerente do CAPS, Denise Silva Maisto, as ações estão acontecendo voltadas para a prevenção e atenção à identificação dos sintomas que podem levar ao suicídio. “Os equipes estão reforçando a importância do acolhimento, bem como da orientação aos pacientes e familiares, além da divulgação sobre os principais fatores de risco. O mais importante é acolher o paciente sem julgamento, críticas ou preconceito. A dor do paciente, neste momento, precisa ser respeitada”, reforça.

Outras ações estão acontecendo também com o objetivo de sensibilizar os profissionais da saúde quanto a importância do acolhimento humanizado às pessoas com comportamento ou ideação suicida e informar os usuários sobre os riscos e sinais de alerta.

Onde procurar ajuda?

No Centro de Atenção Psicossocial (CAPS), localizado na Rua Dorlin Nunes, S/N, Centro. O telefone de contato é o 3356.0072. Ou na Unidade Básica de Saúde do seu bairro, onde pode ser feita a avaliação, acompanhamento e os encaminhamentos necessários.

Setembro amarelo e a importância da prevenção ao suicídio

O dia 10 de setembro é reconhecido como Dia Mundial de Prevenção do Suicídio, por isso, no mês de setembro é realizada a campanha de conscientização sobre a prevenção ao suicídio, o Setembro Amarelo, que ocorre desde 2014 e tem como objetivo alertar a população a respeito da realidade dessa questão, no país e no mundo.

De acordo com o site oficial do Setembro Amarelo, o suicídio é um problema de saúde pública, pois, atualmente são 32 vítimas por dia somente no Brasil, esse dado é superior às vítimas de doenças como AIDS e alguns tipos de câncer.

A esperança é o fato de que, segundo a Organização Mundial da Saúde, 9 em cada 10 casos poderiam ser prevenidos. É necessário a pessoa buscar ajuda e atenção de quem está à sua volta. A cada 40 segundos uma pessoa se suicida, sendo a grande maioria homens entre 25 e 34 anos, além disso, o suicídio é considerado a 15ª causa que mais mata a nível mundial.

Destaques
Arquivo
Tags de Notícias

Faça parte desta entidade e tenha acesso às melhores soluções para sua empresa.

Venha fazer parte da ACIM:

ACIM - Associação Empresarial de Imbituba

Rua Nereu Ramos, 815 - Sala 201/A

Centro - Imbituba / Santa Catarina

Telefone: +55 (48) 3255-1415

 

Email: atendimento@acimimbituba.org

  • Facebook ícone social
  • Instagram
  • whatsapp

​© 2020 Todos os direitos reservados. Desenvolvido por

Agência Onde - Tubarão/SC