Regional Sul define líderes para processo de cobrança e acompanhamento do Voz Única

Reunidos em plenária regional nesta segunda -feira (25/7) os representantes das Associações do Sul discutiram sobre o Voz Única e indicaram líderes para cada um dos cinco pleitos prioritários da região. O intuito é que cada ACI apoie no processo de cobrança e acompanhamento de um pleito. “O associativismo é um movimento que provoca a permanência dos líderes em função dos resultados percebidos individual e coletivamente”, ressaltou o vice-presidente regional, Pedro Kuzniecow.

No encontro também discutiram sobre o edital do Empreender da CACB, que gerou forte interesse nos empresários. Os representantes manifestaram a intenção de agregar as associações menores ao programa ligando-as às entidades vizinhas maiores para que todos possam acessar recursos do edital mesmo que não tenham infraestrutura local mínima para gestão de ações deste porte.

Estreante nas plenárias, o presidente da Associação Empresarial de Jaguaruna, Cloudo Rocha elogiou fortemente o trabalho desenvolvido pela Facisc e relatou que, em função da participação no Voz única conseguiram se mobilizar localmente na conquista de viaturas para o município de Jaguaruna.

Anfitriã do encontro, a presidente da Associação Empresarial de Laguna ressaltou que é extremamente motivador e motivo de orgulho receber a plenária. “Isso faz que percebamos a importância e respeito do trabalho das demais ACIs na regional. Acredito muito no trabalho desenvolvido na região, pois somos muito unidos. Todos estendem as mãos e estão juntos nas atividades”, destacou.

Ao final do encontro, a integrante do Núcleo jovem da ACIM Imbituba, Amanda Andrade, apresentou uma proposta para organização de um debate com candidatos ao governo do Estado em parceria com as ACIs da regional.