Semana do MEI: oficinas gratuitas seguem até sábado

Palestras, mini cursos e workshops promovidos pelo Sebrae auxiliam na administração de micro e pequenos negócios.

As agências do Sebrae/SC no Sul catarinense, nos municípios de Criciúma e Tubarão, disponibilizam uma série de atividades, gratuitas, até o próximo sábado, dia 13, durante a Semana do Microempreendedor Individual (MEI). São palestras, workshops, cursos e orientações que vão ajudar quem quer abrir ou gerenciar o próprio negócio em toda a região, de Imbituba a Passo de Torres.

Dentro do tema finanças, um dos mais procurados, a sugestão é a oficina Sei Controlar Meu Dinheiro. Dados do Sebrae apontam que 70% dos pequenos negócios não possuem uma estrutura administrativa específica, o que dificulta o controle do fluxo de caixa. “Um erro é misturar gasto pessoal com despesas do negócio. Uma solução simples é a retirada de um pró-labore, mesmo assim disciplina é fundamental”, alerta o consultor Rafael Rocha.

A procura também é intensa por pessoas interessadas em regularizar a atividade profissional. Entre outras vantagens, o sistema MEI ajudou o designer Drayton Ignácio Junior a organizar seus negócios. “Antes era sempre uma dificuldade na hora de tirar uma nota fiscal junto à Prefeitura. Sem falar que o custo por nota era mais alto. Agora pago um imposto único, mais baixo, e tenho liberdade para focar naquilo que faço de melhor, a criação”, comemora.

O coordenador regional Sul do Sebrae/SC, Murilo Gelosa, esclarece quem pode ser beneficiado pelo sistema MEI. “Seja no segmento de comércio, indústria ou serviço, qualquer pessoa pode ser MEI, desde que a empresa tenha faturamento anual de até R$ 60 mil”.

Outras informações podem ser obtidas nas unidades do Sebrae/SC em Criciúma e Tubarão. Os telefones para contato são (48) 3403-2200 e (48) 3626-4580, respectivamente.

Serviço

O que: Semana do MEI

Quando: De 8 a 13 de maio

Onde: Agências do Sebrae/SC de Criciúma e Tubarão

Como: Palestras, cursos, consultorias e oficinas

Para quem: Pessoas de Imbituba a Passo de Torres que desejam abrir ou regularizar um negócio com rendimento anual de até R$ 60 mil

Quanto: Gratuito